quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

2012 o grande ano da minha vida!

Com certeza 2012 foi o grande ano da minha vida.
2012 vai embora mas vai deixar uma grande marca e um gostinho de saudade.
Neste ano que se despede eu conheci uma pessoa especial que fez sentido para todas as outras coisas na minha vida.
Ganhei um sobrinho muito esperado pelo meu irmão e minha cunhada.
Recebi a notícia que serei tia novamente,desta vez, da minha outra cunhada e do meu outro irmão.
Criei responsabilidade,amadureci de verdade.
Fortaleci laços com pessoas que nunca imaginei que seriam tão especiais para mim.
Comecei a batalha para pôr a minha vida em ordem.
Ganhei forças,lutei e conquistei a chance de sonhar outra vez.
E o mais importante de tudo, neste ano de 2012 eu me aproximei de Deus de verdade.
Que em 2013 a minha vida esteja repleta de conquistas,que meu caráter seja moldado por Deus e que a meus sonhos se materializem.


Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios.
Volta-te para nós, SENHOR; até quando? Aplaca-te para com os teus servos.
Farta-nos de madrugada com a tua benignidade, para que nos regozijemos, e nos alegremos todos os nossos dias.
Alegra-nos pelos dias em que nos afligiste, e pelos anos em que vimos o mal.
Apareça a tua obra aos teus servos, e a tua glória sobre seus filhos.
E seja sobre nós a formosura do SENHOR nosso Deus, e confirma sobre nós a obra das nossas mãos; sim, confirma a obra das nossas mãos.
Salmos 90:12-17

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Começando a construir o meu futuro!



Estou chegando ao final de um ciclo,chegou o momento de tomar decisões e fazer minhas escolhas.
Passado o turbilhão de mudanças que foram necessárias para que um novo ciclo surgisse na minha vida,chegou o momento de responder a mim mesma as seguintes perguntas: 
O que eu vou fazer da minha vida daqui para frente?
Quais são as metas que eu quero alcançar?
Quais são os sonhos que eu terei que materializar?
Quem vai comigo e quem eu deixo para trás?
Quem sou eu nesta nova fase longe das atribulações que me seguiram até os dias de hoje?
O que vale a pena manter e o que eu tenho que abandonar?
O que eu estou fazendo vai me levar até o resultado que eu quero alcançar?
O que está errado e o que eu tenho que aprimorar?
Permita-se responder a estas perguntas,enfrente o que há de melhor e pior em você.Enfrente suas derrotas e seus fracassos,saia da história de sucesso que você criou para esconder seus medos e receios.
Mude suas atitudes,seja verdadeiro,seja autêntico,fuja dos padrões vazios e amorais.
Eu quero fazer tudo certo daqui para frente,passou a fase de testes e tropeços,chega de errar, chega de perder tempo com coisas que nem deveriam ter um terço da atenção empregada.
Começando a construir o meu futuro!


 Tornai-vos, e convertei-vos de todas as vossas transgressões, e a iniqüidade não vos servirá de tropeço.
Lançai de vós todas as vossas transgressões com que transgredistes, e fazei-vos um coração novo e um espírito novo; pois, por que razão morreríeis, ó casa de Israel?
Ezequiel 18:30-31


quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Mulher virtuosa

Mulher virtuosa quem a achará? O seu valor muito excede ao de rubis.
O coração do seu marido está nela confiado; assim ele não necessitará de despojo.
Ela só lhe faz bem, e não mal, todos os dias da sua vida.
Busca lã e linho, e trabalha de boa vontade com suas mãos.
Como o navio mercante, ela traz de longe o seu pão.
Levanta-se, mesmo à noite, para dar de comer aos da casa, e distribuir a tarefa das servas.
Examina uma propriedade e adquire-a; planta uma vinha com o fruto de suas mãos.
Cinge os seus lombos de força, e fortalece os seus braços.
Vê que é boa a sua mercadoria; e a sua lâmpada não se apaga de noite.
Estende as suas mãos ao fuso, e suas mãos pegam na roca.
Abre a sua mão ao pobre, e estende as suas mãos ao necessitado.
Não teme a neve na sua casa, porque toda a sua família está vestida de escarlata.
Faz para si cobertas de tapeçaria; seu vestido é de seda e de púrpura.
Seu marido é conhecido nas portas, e assenta-se entre os anciãos da terra.
Faz panos de linho fino e vende-os, e entrega cintos aos mercadores.
A força e a honra são seu vestido, e se alegrará com o dia futuro.
Abre a sua boca com sabedoria, e a lei da beneficência está na sua língua.
Está atenta ao andamento da casa, e não come o pão da preguiça.
Levantam-se seus filhos e chamam-na bem-aventurada; seu marido também, e ele a louva.
Muitas filhas têm procedido virtuosamente, mas tu és, de todas, a mais excelente!
Enganosa é a beleza e vã a formosura, mas a mulher que teme ao SENHOR, essa sim será louvada.
Dai-lhe do fruto das suas mãos, e deixe o seu próprio trabalho louvá-la nas portas.
Provérbios 31:10-31

sábado, 1 de dezembro de 2012

3 anos de história


Em janeiro completarei três anos de portas abertas na loja onde hoje eu trabalho.

Muitos passaram por aqui, deixaram suas histórias, fizeram história e entrarão para a história da minha vida.
Nesta parceria de compra e venda eu fiz muitos amigos, amigos do peito, amig
os parceiros,amigos sinceros,amigos fiéis.
Sempre digo que eu não trabalho, que finjo que estou trabalhando,mas digo isto porque eu não me vejo sendo oprimida pelo trabalho, pelas pessoas que eu me relaciono no meu dia-a-dia, pois afinal de contas todas as pessoas que entram aqui acrescentam algo de especial que torna o meu trabalho, de certa forma, muito gratificante.
Faço o que gosto, gosto do que faço, até mesmo porque coisas que me desagradam eu logo deixo para trás  já que eu tenho o poder de decidir o que entra e o que fica onde eu estou.
Agradeço a Deus por ter me dado amigos ao invés de clientes.Agradeço a Deus por ter me dado parceiros ao invés de vendedores.
Estou tentando melhorar o meu trabalho, estou tentando melhorar o meu espaço porque quero que todos que entrem por aquela porta saibam que estão sendo bem recebidos e que eu os espero com algo melhor porque eles merecem o que há de especial, já que são eles que fazem com que meus dias sejam especiais.

Bem-aventurado aquele que teme ao SENHOR e anda nos seus caminhos.
Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem. 
Salmos 128:1-2